Hímen – Qual sua função e como se dá o rompimento

August 1, 2011 2 Comments »

O hímen é uma membrana situada na entrada da vagina. Normalmente possui uma abertura por onde são eliminadas secreções e a menstruação. Em certos casos, a abertura é muito estreita ou pode até não existir, sendo necessária uma pequena cirurgia para evitar a retenção de líquidos.

Alguns dizem que o hímen não tem nenhuma função biológica. Essa película seria apenas um fragmento que resta do processo de desenvolvimento da vagina no feto. Na fase embrionária, a vagina é um tubo sólido, que ao longo dos meses vai sendo reabsorvido, tornando-se um tubo oco. Essa membrana não é totalmente consumida. Já outros afirmam que o hímen existe para proteger as fêmeas durante a sua infância dos riscos de infecções genitais.

himen-funcao-rompimento

O hímen é rompido quando a mulher pratica pela primeira vez o ato sexual. Criaram-se mitos sobre a ocorrência de dor e sangramentos abundantes durante a defloração, o que vem alimentando, por gerações, os receios de muitas mulheres com relação à primeira prática de coito, sendo este receio e a pressa do parceiro um dos maiores responsáveis por algum desconforto das mulheres na primeira vez. Mas, quando as coisas são bem feitas e com consciência de ambos, a maioria das mulheres não só não sentem dor nem ardor, como também não ocorre grande sangramento e, quando ocorre, é tão insignificante que é estancado pela própria pressão do pênis contra as paredes da vagina; apercebendo-se a mulher desse sangramento apenas quando, depois de vestir a sua roupa intima, verifica, ao tira-la, uma pequena mancha de sangue.

Em casos raros, o hímen é mais espesso que o normal e, mesmo com uma perfeita dilatação e lubrificação, pode ocorrer alguma dor ou ardor no processo de defloração. Há, inclusive, casos em que a espessura da membrana obriga a uma pequena intervenção médica para tornar o coito o menos problemático possível.

Há casos em que não ocorre o rompimento da membrana. Isso acontece quando o hímen é inexistente por razões congênitas (meninas nascem sem ele), quando existe um orifício único e este é largo, quando o hímen é complacente, ou seja, sua constituição é mais elástica do que o comum, ajustando-se ao diâmetro do pênis. Depois do coito, ele volta ao estado original, podendo se romper somente num coito mais apressado, em que a lubrificação e/ou dilatação não é a ideal, ou mesmo num parto.

Se você é homem e sua parceira ainda é virgem, seja delicado na primeira relação sexual. Lembre-se de que, para ela, é uma ocasião que marcará para sempre a sua vida.

Compartilhe no Facebook

Leia também

2 Comments

  1. Thaylane 02/08/2011 at 08:50 -

    Eu concordo plenamente com o contexto acima

  2. thaylla 23/08/2011 at 07:50 -

    È muito importante a gente saber e se imformar melhor sobre o corpo da gente

Deixe um comentário