Menu

Por que as pessoas se suicidam?

Razões

A palavra “suicídio” vem do Latim “sui” (si mesmo) e “caedere” (pronuncia-se chedere = matar). Não é difícil determinar o motivo básico que leva as pessoas a se matarem, basta perguntar: por que se mata alguém? Afinal, matar alguém é o mesmo que matar a si mesmo, em ambos os casos mata-se uma pessoa. Mata-se alguém, basicamente, quando não se aprecia esse alguém e deseja-se eliminá-lo da face da Terra. Igualmente, o suicida mata a si mesmo, basicamente, porque não gosta de si mesmo, não se aprecia, não tem autoestima.

suicidio-suicidam

Os motivos secundários são diversos: depressão, esquizofrenia, alcoolismo, abuso de drogas, dificuldades financeiras ou emocionais etc. Mas, em todos estes casos, a base é a baixa autoestima. E a baixa autoestima confunde-se com a autopiedade, a autocompaixão, a pena de si mesmo. “Sou um desgraçado, nasci para sofrer, minha vida não vale nada, coitadinho de mim” – pensam os suicidas.

Segundo o espiritismo

De acordo com a doutrina espírita, o suicida é sem dúvida nenhuma o ser que mais sofre após a morte. A morte não é um processo automático. É necessário um determinado tempo para que o espírito se desconecte do corpo. Quando a pessoa esta doente este desligamento é gradual e segue um processo natural. No caso do suicídio não existe o desligamento do espírito do corpo. Se o suicida da um tiro na cabeça ele sente a dor terrível do tiro e continua sentindo a dor e os efeitos do tiro depois de morto. Uma pessoa que pula do alto de um edifício para se suicidar continua sentindo as dores do corpo quebrado depois do impacto.

Logo depois do ato suicida vem o momento de loucura. O suicida não é uma pessoa emocionalmente equilibrada. Ao perceber que não existe a morte da sua consciência e que ele continua vivo, pensando, sentindo e enxergando, bate um desespero e a loucura. Muitos suicidas passam pelo horror de sentir seus corpos apodrecendo. Apos um longo e sofrido desprendimento da matéria em decomposição, o suicida é levado para um local chamado de “Vale dos Suicidas”. Não é preciso fazer muita força para imaginar como é um local com milhões de suicidas com o coração cheio de remorso, vingança, raiva, medo e dor. É um verdadeiro caos, ou o que podemos imaginar como um verdadeiro inferno. Tirar um suicida deste lugar só é possível quando ele, por conta própria, consegue eliminar todos os sentimentos negativos que o fazem ficar em sintonia com aquele lugar.

Compartilhe no Facebook
3 Comments
  1. cleverton 29/08/2011
  2. admin 30/08/2011
  3. Vicente 05/10/2013

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *